Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/joaolima/public_html/index.php:2) in /home/joaolima/public_html/wp-content/plugins/qtranslate-x/qtranslate_core.php on line 388
| A beleza de ser estranho | « João Lima

| A beleza de ser estranho |

— por Thiago Soares, Folha de Pernambuco. Agosto, 2012 —

A performance sempre foi uma categoria meio estranha no mundo das artes: pode estar ligada a manifestações das artes plásticas, tendo o corpo como matéria prima, mas também ao teatro, tendo o cênico como aparato de discurso. Sem a pretensão de demarcar estes limites, os atores João Lima e Vítor Roriz levaram ao palco do Teatro Hermilo Borba Filho, o lindo espetáculo “Ilusionistas”, que encerrou temporada domingo passado e segue para Barcelona (6 de dezembro) e no início de 2013 no Rio de Janeiro. Na encenação, dois homens estabelecem formas estranhas de contato, questionando as maneiras “estanques” de comunicar. Palavras são desnecessárias, a dança vira metáfora do estranhamento. Num mundo em que tudo vem “de bandeja” para nossos sentidos, uma peça como “Ilusionistas” nos ajuda a questionar as convenções, as imposições do real e mostrar que há beleza, sim, em ser estranho.



Os comentários estão desativados.

NOTURNO, 2003.
O OUTRO DO OUTRO, 2010.
ILUSIONISTAS, 2012.
COME CLOSER, 2007.